Próximas atualizações ♥~

...
❝ tea cotton ❞
This is one corner… of one country, in one continent, on one planet that’s a corner of a galaxy that’s a corner of a universe that is forever growing and shrinking and creating and destroying and never remaining the same for a single millisecond. And there is so much, so much to see. You should always waste time when you don’t have any. Time is not the boss of you. Letting it get to you. You know what that’s called? Being alive. Best thing there is. Being alive right now is all that counts. - Doctor W.

o que aconteceu?


Boa noite pessoal, como estão? Bom, antes de tudo, sei que devo milhares de desculpas a vocês. Eu escrevi meu último post em um momento extremamente difícil, onde eu não tinha como falar com ninguém, então recorri ao meu amigo mais antigo. Esse blog está comigo há 8 anos e o vejo como um refúgio, mas isso não explica tudo. Por que eu sumi? Claro, é natural de qualquer um que tenha sentimentos ficar preocupado após meu sumiço, e eu li todos os comentários de vocês, mas sequer consegui responder, não conseguia fazer nada. Agora vai uma notícia boa: estou melhor. Estou tendo acompanhamento psicológico e isso me ajudou um pouco, e agora estou tomando meus remédios bem mais controladamente do que antes, o que é bem importante.

Eu só tenho a agradecer a vocês que, mesmo não me conhecendo pessoalmente, me ajudaram. Na verdade, com certeza eu teria me machucado ou algo do tipo, mas antes de fechar o computador o site recarregou e vi um comentário da oceane, então resolvi ler. Respondi com os olhos cheios de lágrimas, mas isso me ajudou. Depois vieram mais comentários de outros leitores e todos me ajudaram, cada um do seu jeito, e agradeço à todos. 

Eu não posso dizer que estou 100%, mas é, melhorei! Não me machuco mais, e não surto faz uns dias ~kk, foi só assim que conseguir ter forças pra vir aqui, pois sabia que todos aqueles sentimentos difíceis estavam marcados em uma postagem, e até encarar as letras já me trazia aquele dia na lembrança. Logo logo vou estar postando bastante aqui, pois senti muita falta disso. 

Por agora, tudo que posso fazer é mostrar a vocês um conto curtinho que escrevi. Minha amiga teve um sonho, e depois que me contou, ele não saiu da minha cabeça e senti que precisava escrevê-lo (com algumas mudanças, claro, porque sonhos conseguem ser bem estranhos, haha). 
Na quieta noite de uma quinta feira, um casal apaixonado de jovens brincava como crianças com as poças de água formadas pela recente chuva. O reflexo de seus sorrisos no líquido e o barulho de seus sapatos tocando o chão molhado tornavam aquele momento estranhamente especial. Em meio a carícias inocentes, podia-se ouvir a risada da garota por toda a rua estreita ao receber um abraço de seu companheiro. 

Nos olhos de ambos, um brilho diferente de qualquer outro já visto. Dizem que os pontos brilhantes na íris de quem está apaixonado só se manifesta em momentos de felicidade intensa, e o que aqueles dois sentiam era, absolutamente, algo do tipo.

Com as mãos no rosto da menina, o garoto acariciava com cuidado a pele macia dela, como se estivesse manuseando o vaso mais precioso e frágil imaginável. Se a vida já se mostrou sincera algum momento, esse era um deles. Agora, a pontinha dos narizes se tocavam com amor por causa da proximidade do casal, que tinha entrado em silêncio alguns minutos atrás.

A calmaria foi quebrada quando um ruído agudo se fez presente em alguns poucos metros de distância. Ao olharem para trás, viram a imagem mais inesperada que podiam pensar. Em uma escada suja de metal, estava um senhor, em seus 70 anos, observando-os indecifravelmente. Parecia calmo e orgulhoso pelo amor dos dois jovens desconhecidos a sua frente, e tinha um sorriso quase imperceptível.

- Me desculpem. – Disse com sua voz rouca e baixa – Não queria atrapalhar, mas não pude deixar de apreciar.

- Não se preocupe! Já estávamos indo embora, está ficando frio aqui. – A menina respondeu. – E o senhor também deveria ir para casa, está tarde!

- Sim, estou indo para casa, há alguém me esperando lá.

- Tenho certeza que tem! Vamos? – Direciona o olhar para o namorado. – Meus pais vão ficar preocupados.

Ele acenou com a cabeça e enrolou seu braço no dela, ajeitando o cachecol da mesma com o outro. Depois arrumou sua própria touca, que deixava os cabelos bagunçados. 

- Boa noite! – Falou para o velhinho.

- Eu vou ter uma boa noite.

Mesmo não tendo entendido a resposta, ambos saíram em passos lentos e grudados um ao outro para não resfriarem, a garoa fina já estava dando sinal de que choveria novamente e precisavam estar em casa, já era madrugada e estavam cansados. A garota, com uma sensação pesada dentro do peito, resolveu olhar por cimas dos ombros para se certificar que o idoso estava bem.

No entanto, parou ali mesmo. O senhor já não estava mais na escada, havia subido todos os degraus e agora se encontrava no topo do prédio, olhando para baixo, cantarolando alguma coisa difícil de entender pela distância, mas por fim falou com calma:

“Amor da minha vida, estou finalmente indo ao seu encontro, ter uma boa noite”.

E essa fora sua despedida.

3 comentários:

  1. Só queria abrir um parenteses rapidinho aqui, antes de começar meu comentário desesperado, você já reparou que a garotinha na sidebar parece estar com medo do seu post. Ou eu brisei muito, ou realmente parece. Acho que brisei, me desculpa kkkkkkkkkkkkk

    Triz, você não sabe o alivio que é ver uma atualização no Tea Cotton, eu já estava pensando em um monte de besteiras sobre o seu sumiço e me sinto melhor em te ver aqui e ainda por cima saber que está melhorando. ♥ Por favor se cuida direitinho, não abandone os remédios por si própria e nunca mais se machuque.

    Eu comecei a escrever esse comentário ontem, mas eu achei melhor terminá-lo hoje, por motivos de (?), não tenho motivos, eu apenas disse "Ok, eu vou ler essa postagem amanhã, não estou preparada para ela hoje". Foi o que fiz~ kkkkkkk

    Mentira que estava com os olhos cheios de lágrimas :c Oh mo deuso, protege esse ser humaninho. ♥ Eu me sinto 2x melhor agora por saber que de alguma forma te ajudei, pois naquele dia por algum motivo dos céus eu abri o blogger pelo celular, o que usualmente eu não faço, e vi que postou algo, fiquei feliz de inicio, dai li o título e eu fiquei tipo "QQ ta cuntecenu??". Eu escrevi naqueles 300 comentários, desculpa, tudo que senti no momento, e tudo que eu acho que precisava ler, e estava orando pra que resolvesse em algo, pois geralmente não sou tão boa em tirar as pessoas da "fossa". Ler que ajudei, me alegrou muito, tipo pra caramba!!!! ♥

    Meu sonho de princesa é um dia alguém me olhar e automaticamente a iris do olho brilhar ou a pupila dilatar. Isso tem chance de acontecer, mas talvez de medo. kkkkk Se eu olho pra trás e tem um idoso de 70 anos me olhando eu saio correndo voada meu anjão, sou nem 'otara'. " Eu vou ter uma boa noite", bicho que que esse homem vai fazer? QUEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE? Triz isso não se faz. Antes ele tivesse feito algo com a garota, ou com o garoto. :( Gente estou abalada.

    oceane, peach a.

    ResponderExcluir
  2. Acabo de conhecer seu blog, eu simplesmente amei, não se cobre tanto sobre postar todo dia sabe, o importante é você estar aqui, você vai passar por tudo isso porque você é forte
    Seu blog tem um design lindo e charmoso, super leve e não cansa os olhos.
    ~Beijos ♡
    Dreaming Away | dreamingawa-y.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. oi moça, tudo bem? então, eu tinha dado uma sumidinha do blogger mas percebi que tu não tava aqui hihi.

    oh meu deus, to me sentindo triste agora porque eu não comentei no último post, postagens pessoais demais me dão algo no estômago e não consigo comentar fgdkg

    gostei muito da história, mas achei um pouquinho confusa hehe, mas é normal isso pra mim, sou um pouco lerda fdsjkfh

    até maaaais my headache

    ResponderExcluir

Amados, aqui pode tudo menos grosseria e putaria.

tags populares
Afiliados
layout feito por Roh a.ramos todos os direitos estão reservados © 2017.